sábado, 3 de julho de 2010

Dois, só um.


Não mais amor, paixão.
Não mais descaso, atenção.
Como se as águas não quisessem mais serem unidas. 
Como se os sorrisos e olhares não fizessem mais rimas.  
Não mais lá, agora cá.
Não mais...
Apenas mais do que era oferecido a mim.

Por Dhalila Nogueira.