quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

por conveniência.



muda-se os gestos, os sentires, os desejos, os olhares, as propostas.
a cada alma com que se depara, chora.
e o anseio em querer conhecer as partes que não lhe cabem,
a vontade de recuperar os restos passados, transformá-los em um futuro mais do que presente,
o levam a bipolaridade.




por dhalila nogueira.