terça-feira, 6 de dezembro de 2011

renúncia.

te presenteio Fulô ...
  
com as sobras dos sentimentos.
com a poética sem graça, sem vida, fingida.
a entrega não será recípocra.

pois, a parte que me cabe, apesar de pretérita,
é lembrança, não se apaga.
se faz no presente, é saudosista.


por Dhalila Nogueira.