quarta-feira, 25 de julho de 2012

Entrelaçados.


Olhares em meio a toques: sintonia.
Partilhar de vontades e quereres que crescem.
Transversalmente torno-me sua.
E em tuas mãos padeço.
Eleva-me ao empíreo?




por Dhalila Nogueira.

terça-feira, 24 de julho de 2012

daquele pesar.

bateu saudade de quando éramos início.
e não haviam vírgulas, palavras erradas mesmo com o receio de não saber o que escrever.
bateu saudade dos olhares cúmplices e cheios de esperança.
da certeza de que daria certo, faríamos com que desse certo.
bateu saudade de quando a conquista era necessária, evidentemente necessária.
bateu saudade de você!
é que mesmo quando estou com você...
sinto saudade!
                                                                                                               por Dhalila Nogueira.

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Inópia.


Necessito de momentos que tirem o fôlego.
Que tirem a paz.
Que deem paz.
Necessito de contradições e certezas, pois sou um ser mútuo, vago, indeciso, mas, completo.
Me faz transbordar em mim?

Necessito de momentos positivos ou assim disfarçados, mas que me façam poeta.

Decide ser, sem temer o futuro?

por Dhalila Nogueira.