quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

2.300 dias.

Ô destino traiçoeiro!!!
Nos colocou lado a lado.
No mesmo espaço.
Mas, sem nos encontrar.

Ô destino traiçoeiro!!!
Me fez lembrar dos dias dourados.
Do coração acelerado.
Da paixão fugaz.

Agora, de volta a realidade...
Me encontro um pouco saudosista do fragmentista.
E das lindas poesias, que costumavam me encantar.